MULHERES ENTRE – VISTAS: UM CONVERSARE INTERGERACIONAL

Resumo

RESUMO: Este artigo tem como objetivo registrar a história de vida de quatro mulheres nascidas em três décadas (1930, 1960 e 1990); portanto, com diferentes percepções sobre o que é ser mulher e o feminismo. Essas mulheres entrevistadas são as autoras deste artigo. Partimos da metodologia de entrevista estruturada com a interseção da história de vida, no sentido de que o registro da história de suas vidas possa vir a colaborar na interlocução geracional e para uma análise comparativa histórica, por meio de suas memórias e percepções pessoais sobre o feminismo; sobre o poder hegemônico masculino; e, sobre o ser, viver e sentir-se mulher num mundo machista. Essa entre-vista permitirá que se conheça um pouco das experiências de vida de mulheres diferentes, portanto com pontos de vistas distintos. Encontrar um denominador comum, entre as três gerações dessas mulheres, será o desafio da análise deste artigo, que se dará através da análise da interseção de suas histórias e experiências.


Palavras-Chave: Feminismo, mulheres, entrevista geracional, machismo, memórias.

##plugins.generic.usageStats.downloads##

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-09-05
Como Citar
COSTA, Maria Alice Nunes et al. MULHERES ENTRE – VISTAS: UM CONVERSARE INTERGERACIONAL. LexCult: revista eletrônica de direito e humanidades, [S.l.], v. 2, n. 2, p. 160-199, set. 2018. ISSN 2594-8261. Disponível em: <http://revistaauditorium.jfrj.jus.br/index.php/LexCult/article/view/33>. Acesso em: 04 mar. 2024. doi: https://doi.org/10.30749/2594-8261.v2n2p160-199.